SoftBank, a gigante da Nasdaq que impulsionou e fez subir as ações de tecnologia dos EUA

SoftBank, a gigante da Nasdaq que impulsionou e fez subir as ações de tecnologia dos EUA

A gigante japonesa de investimentos em tecnologia, SoftBank, tem causado um grande rebuliço ultimamente por causa de suas "apostas" maciças em ações de tecnologia dos Estados Unidos por meio de produtos derivados, como o call options. Isso foi considerado um dos gatilhos para a recente venda de ações da Tech, mas também para a alta da Wall Street que levou o Nasdaq e o S&P500 aos máximos históricos.

SoftBank aposta tudo em ações de tecnologia dos EUA

A SoftBank ganhou reputação por suas apostas multibilionárias em start-ups com grandes perdas, como Uber, WeWork e DoorDash. No entanto, no final de junho, a SoftBank revelou em um documento regulatório que havia feito um investimento de $ 4 bilhões de dólares na American Tech Giants. O Financial Times e o The Wall Street Journal informaram mais tarde que a SoftBank também havia feito uma aposta considerável no setor de tecnologia dos EUA por meio de call options. Um investimento de $ 4 bilhões de dólares em call options teria permitido à SoftBank gerar uma exposição de $ 50 bilhões de dólares em empresas de tecnologia nos EUA. Simultaneamente, o SoftBank teria vendido call options com preços de exercício mais altos, o que lhe permitiria bloquear os lucros se a recuperação da Wall Street continuasse.

No entanto, a crise do coronavírus colocou a SoftBank em grandes dificuldades e a levou a liquidar parte de seu portfólio. A venda de suas participações no grupo Alibaba, T-mobile US, e também em telecomunicações no Japão, permitiu elevar seus preços a uma alta em 20 anos, mas também, de implantar sua nova estratégia no setor de tecnologia americana. Esta nova estratégia em ações tecnológicas listadas teria sido implantada nos últimos meses e orquestrada por Masayoshi Son, fundador da SoftBank e conhecido por ter perdido quase $ 70 bilhões de dólares durante o estouro da bolha na internet, mas também por seu investimento de $ 20 milhões de dólares no Alibaba, que agora vale $ 140 bilhões de dólares.

Otimismo tecnológico ou entusiasmo por operações de hedge (fundo)?

As compras massivas de opções pela SoftBank inflaram os volumes de negociação no mercado de opções. O aumento nos volumes de negociação nas opções de tecnologia dos EUA pode ter induzido os investidores a pensar que os índices da Wall Street continuariam sua alta. Além disso, os vendedores de call option venderam à SoftBank e tiveram que fazer hedge em sua exposição e a melhor maneira de fazer isso foi comprando as ações subjacentes. Esse comportamento de hedge criou uma demanda adicional por ações dos EUA e os aumentos subsequentes nos preços das ações de tecnologia dos EUA inflaram ainda mais os preços das call options.

Na semana passada, o Nasdaq rompeu abaixo do limite inferior de seu canal de alta e lançou uma correção forte. O índice de tecnologia dos EUA está tentando se recuperar desde então, mas não conseguiu se estabilizar acima de 11.400 pontos. Se o Nasdaq ultrapassar 11.400 pontos quebrando a inclinação de baixa correspondente ao decote de um provável ombro-cabeça-ombro reverso, o aumento poderia continuar até 11.700 pontos para talvez tentar reunir o objetivo teórico da figura cartista em 14.000 pontos. Uma recusa ao nível do decote confirmaria a fraqueza do Nasdaq. Fonte: xStation5

Quais valores estão envolvidos?

Entre as empresas em que a SoftBank decidiu apostar, encontramos importantes ações de tecnologia americanas, como Tesla, Microsoft, Amazon ou Netflix. Durante a frenética alta da American Techs, as opções de compra foram Tesla, Google e Amazon, que foram três vezes maiores do que a média observada no período 2017-2019, quando as opções de venda estavam, por sua vez, relativamente estáveis. Assim, o valor de face agregado das call options negociadas em ações individuais atingiu um recorde nas últimas duas semanas, com média de $ 335 bilhões de dólares por dia, de acordo com o Goldman Sachs.

O valor de face agregado das call options negociadas em ações individuais atingiu $ 335 bilhões de dólares por dia. Fonte: Goldman Sachs; OptionMetrics; FT (OBS: Esta frase é repetição da frase acima.)

Todas essas ações caíram acentuadamente nas últimas sessões, o que pode sugerir que alguns participantes do mercado estão apostando contra a SoftBank. Em relação à Tesla, razões específicas da empresa também estão por trás do declínio, como sua não inclusão no índice S&P500, mas a queda acentuada no setor de tecnologia parece confirmar a parcela de responsabilidade do SoftBank em ter agido mais como um fundo especulativo e se afastando consideravelmente de uma perspectiva de investimento.

Encontre ações do SOFTBANK entre mais de 1.500 ações locais e mais de 200 ETFs diretamente na plataforma de investimento xStation 5 da XTB.

Visitar o site do XTB

Última Atualização em 21/09/20

Continue esta discussão no Forum