Guia para Iniciantes: Como começar a negociar na bolsa de valores?

Iniciante Bolsa de Valores

Ilustração: Iniciante na Bolsa de Valores

Warren Buffett. Um nome único. Uma lenda. Um bilionário. O que ele está fazendo? Investimento no mercado de ações. O mercado de ações é um campo vasto e emocionante. Onde podemos fazer uma fortuna ou também podemos nos arruinar. O que quer que digamos, ou pensamos, é um pilar inegável de enriquecimento pessoal. Como acessá-lo? Como se beneficiar? É simples assim? Ou é complicado? Como se lançar no mercado de negociação, sem sair prejudicado se você é um particular? Ouvimos muitas coisas sobre o assunto, mas quem diz a verdade e quem diz a mentira? Estamos falando de ações, e esta é a única maneira de se beneficiar do mercado de ações? E essa negociação em geral, qual é o relacionamento com o mercado de ações? Warren Buffett não é um cliente como qualquer um, mas sim, um investidor. E qual é a diferença? 

Vejamos os elementos que qualquer especulador da bolsa deve considerar antes e durante o seu trajeto no mercado financeiro. 

Pré-requisitos: o que você precisa saber antes de começar a negociar na bolsa de valores.

Nós não iremos nos tornar Buffett de um dia para outro. E isso pode demorar uma vida inteira.

Não é preciso esperar demais. No entanto é perigoso embarcar sem um mínimo de conhecimento sobre o mercado da bolsa. E para isso, nada mais simples que: mergulhar em um livro sobre o assunto do começo ao fim. Evite procurar informações daqui e dali: isso não será muito eficaz. Por outro lado, nada impede de aprofundar o seu conhecimento fazendo mais pesquisas. Além dos livros, há uma série de cursos sobre a bolsa de valores, gratuitos ou pagos, na net. O melhor desta área é ter um mentor, uma pessoa com bastante experiência, que além do conteúdo simples, possa oferecer uma abordagem prática de como investir no mercado de ações.

Nós não estamos oferecemos aqui um curso sobre mercado de ações. No entanto, são apenas algumas noções importantes. Entre eles, o fato de que as ações não são o único produto no mercado da bolsa de valores. Em particular, existem os fundos, as cestas de ações, que permitem a exposição das ações de menor risco. E nesta categoria incluímos o OICVM, fundos de índices, trackers e ETFs. Outro elemento importante é: a distinção na negociação e no investimento. E finalmente, podemos manter ações próprias ou fazer por exemplo, negociações em CFD. No primeiro caso, é um "acionista" da empresa, e no segundo caso, joga-se nas variações de preço sem precisar realmente manter as ações.

Ferramentas e meios de acesso ao mercado de ações

O conhecimento teórico e a aprendizagem são um pré-requisito indispensável. Depois disso vem naturalmente a implementação concreta.

O acesso ao mercado é feito através de corretores. Existem dezenas, e cada um possui suas particularidades, suas vantagens e desvantagens. É importante compará-los afim de encontrar aquele que você melhor se adapte e adapte-se às suas metas.

Na França, por exemplo, existem vários métodos fiscais, ou seja, suportes de investimentos que permitem de serem lançados no mercado de ações, como o: PEA, Compte Titres, Assurance-Vie. Aqui novamente, é necessário comparar as especificidades de cada um, de acordo com sua própria situação e sua estratégia. Com o seguro de vida (Assurance –Vie) por exemplo, você não pode colocar o seu dinheiro em ações, um por um, mas sim, somente em fundos. Os tipos de produtos oferecidos são diferentes, bem como a tributação.

Uma nova onda de serviços de investimento e investimento financeiro surgiu nos últimos anos, conhecida como robo-advisor.

Quando você não tem o tempo ou a habilidade para gerenciar suas economias efetivamente, essas novas oportunidades podem ser muito interessantes. 

Ao nível de análise preliminar e de plataformas, existem ferramentas internas para corretores, ou ferramentas externas que podem ser gratuitas ou pagas. Dependendo do desejo de cada um, alguns ajudam a análise técnica do mercado, outros ajudam à análise financeira e fundamental. 

Definir metas

Em primeiro lugar, você precisa definir suas próprias intenções e objetivos em relação ao mercado de ações. A negociação envolve a compra e a venda de ações de curto prazo durante um período de tempo que varia desde um dia todo até alguns meses. O investimento, Warren Buffett, por exemplo, é um processo de longo prazo, podendo ir de vários meses a vários anos. Diferentes estratégias podem ser adotadas, como investir para receber os dividendos a cada ano. Este é um dos muitos, daí então a necessidade de pesquisar sobre o assunto. 

A negociação de ações e o investimento no mercado de ações têm em termos mais amplos, esse ponto comum de que é uma "gestão ativa", ou seja, que os valores mobiliários são selecionados um a um de forma pessoal. Estamos falando de stock-picking. Você precisa ter uma estratégia precisa, para saber o por que você deverá comprar essa ou aquela ação, e quando deverá vendê-la. Isso se opõe à "gestão passiva", que diz respeito a fundos de índices e outros ETFs. Isto é adotado em particular pelo robo-advisor.

Recomendações e Avisos

A negociação ou investimento gera inevitavelmente custos de transação. Em cada compra ou venda de ações, o corretor é remunerado. Embora esta atividade seja potencialmente lucrativa, também pode ser muito cara.

Por outro lado, você tem que ter um coração forte para lidar nessas áreas. A gestão das emoções às vezes é difícil, portanto existe a necessidade de ter uma estratégia clara e precisa para saber o que fazer e quando fazer. Além disso, é importante ter um acompanhamento preciso das evoluções de seu portfólio de ações e analisar seus resultados para otimizar e melhorar sua performance.

Os corretores também oferecem produtos complexos e alavancados, como turbos, opções e warrants. É absolutamente necessário evitá-los quando se embarca no mercado de ações, sem a experiência prévia. Em nível de negociação CFD, a mesma coisa, pois são produtos com alavancagem, e em geral possuem uma conta de margem. Você não deverá se aventurar sem saber antes os prós e os contras. 

E por final:

Como vimos, muitos parâmetros são levados em consideração no mercado da bolsa de valores, pois não é um rio longo e silencioso, e você poderá aproveitar a vida aprendendo e descobrindo novas estratégias, usando novas ferramentas e produtos. O risco faz parte do jogo, e você simplesmente precisa estar ciente disso e saber como domá-lo. Existem várias estratégias para limitar esses riscos. Globalmente, uma única palavra de ordem em relação à negociação define isto: bolsa de valores, ações e gerenciamento de risco. Mas além disso, investir seu capital pouco a pouco e diversificar seus investimentos!

 

Última Atualização em 07/06/18

Continue esta discussão no Forum